quinta-feira, maio 23, 2024
Publicidadespot_img
HomeE.C BAHIABahia vence de virada o maior da américa Bahia 2 x 1...

Bahia vence de virada o maior da américa Bahia 2 x 1 Fluminense

Em jogo que começou na terça e terminou na madrugada de quarta-feira (17), o Bahia venceu pela primeira vez no Brasileirão ao virar sobre o Fluminense (2 x 1), na Arena Fonte Nova, na abertura da segunda rodada.

A partida ficou parada por cerca de uma hora, ainda na primeira etapa, devido às fortes chuvas que atingiram Salvador. Até a paralisação, o Fluminense vencia por 1 a 0, gol de Germán Cano.

Funcionários passam rodos no gramado da Arena Fonte Nova para diminuir o impacto das chuvas / JHONY PINHO/AGIF – AGÊNCIA DE FOTOGRAFIA/AGIF – AGÊNCIA DE FOTOGRAFIA/ESTADÃO CONTEÚDO
Funcionários passam rodos no gramado da Arena Fonte Nova para diminuir o impacto das chuvas / JHONY PINHO/AGIF – AGÊNCIA DE FOTOGRAFIA/AGIF – AGÊNCIA DE FOTOGRAFIA/ESTADÃO CONTEÚDO

O empate do time da casa veio pouco depois da retomada da partida, aos 35 minutos do primeiro tempo, em belo chute de fora da área de Caio Alexandre. Na etapa final, aos 16′, Cauly virou para o Bahia, também em belo gol.

Próximos jogos

As duas equipes voltam a campo no próximo final de semana, pela 3ª rodada do Campeonato Brasileiro. No sábado (20), o Fluminense enfrenta o Vasco, às 20h (de Brasília), no Maracanã.

O Bahia também terá um clássico pela frente, contra o Vitória, no domingo (21), às 16h, no Barradão.

Como foi o jogo

O Fluminense abriu o placar logo aos três minutos de jogo. Santiago Arias tentou driblar John Arias no campo de defesa, perdeu a bola, e o atacante colombiano deixou Cani na cara do gol. O artilheiro só teve o trabalho de vencer Marcos Felipe para marcar o primeiro gol do jogo.

O Bahia quase empatou aos sete. Cauly cobrou falta na área e Cuesta cabeceou firme na direção do gol. Fábio fez grande defesa, à queima roupa.

Chuva paralisa a partida

Aos 17 minutos, o temporal que atinge Salvador nesta terça fez com que o árbitro da partida, João Vítor Gobi, de São Paulo, optasse por interrompê-la. Depois de 45 minutos e duas avaliações da arbitragem, o jogo foi retomado.

Aos 21, logo após o retorno da partida, o volante Caio Alexandre deu um carrinho imprudente no atacante Germán Cano. A sola da chuteira do jogador tricolor acertou a perna do argentino, que ficou presa no chão. O árbitro entendeu que era lance para amarelo.

Caio Alexandre faz golaço

O Bahia conseguiu o gol de empate aos 34 minutos. Após escanteio, Caio Alexandre pegou a sobra na entrada da área, cortou para a direita e acertou um chutaço no ângulo esquerdo de Fábio.

O Flu voltou à frente do placar aos 38, com John Arias. No entanto, o colombiano estava impedido e o gol foi anulado, de forma correta, pelo bandeirinha.

Aos 46, o Bahia quase virou com Thaciano. O camisa 16 recebeu belo passe de Everton Ribeiro dentro da área, ajeitou para a perna direita e finalizou com força. Fábio caiu para fazer a defesa.

Outro golaço, agora de Cauly

No último minuto do primeiro tempo, Jean Lucas caiu na área após tentar driblar Samuel Xavier. O árbitro da partida mandou o jogo seguir. Os torcedores do Tricolor reclamaram muito de pênalti, e João Vítor Gobi deixou o gramado sob os gritos de “ladrão”.

A virada veio aos 16 minutos do segundo tempo. Cauly recebeu na entrada da área, deu um drible desconcertante em Manoel e finalizou de esquerda para marcar um golaço.

Biel teve uma chance claríssima para ampliar aos 36. O atacante recebeu de Cauly dentro da área e, com liberdade, chutou para fora.

Bahia 2 x 1 Fluminense

Bahia: Marcos Felipe; Santiago Arias, Gabriel Xavier, Victor Cuesta e Luciano Juba; Caio Alexandre (Rezende), Jean Lucas, Cauly (Cicinho) e Everton Ribeiro (Carlos de Pena); Ademir (Biel) e Thaciano (Everaldo). Técnico: Rogério Ceni.

Fluminense: Fábio; Samuel Xavier (Kauã Elias), Manoel (Douglas Costa), Martinelli e Diogo Barbosa (Alexsander); André, Lima (John Kennedy) e Ganso; Marquinhos, Arias e Cano (Isaac). Técnico: Fernando Diniz.

Gols: Caio Alexandre (34min1ºT) e Cauly (16min2ºT), para o Bahia; Germán Cano (3min1ºT), para o Fluminense.

Cartões amarelos: Caio Alexandre, Thaciano, Everton Ribeiro e Everaldo (Bahia); Lima, Martinelli, John Kennedy, Alexsander e Ganso (Fluminense).

Público: 22.893 pagantes.
Renda: R$ 633.866,50.
Motivo: 2ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro.
Data: 16 de abril de 2024 (terça-feira), às 21h30 (de Brasília).

Local: Arena Fonte Nova, em Salvador (BA).

Árbitro: João Vítor Gobi (SP).
Auxiliares: Danilo Ricardo Simon Manis (Fifa/SP) e Fabrini Bevilaqua Costa (Fifa/SP).
Árbitro de vídeo: Daiane Muniz (Fifa/SP).

RELATED ARTICLES

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisment -
Google search engine

Most Popular

Recent Comments

https://www.alibaba.com/product-detail/Your-Logo-Here-Custom-Hoodie-Collection_1601059272421.html on Popó X Bambam: saiba quanto cada um faturou em luta de 36 segundos
Verified by MonsterInsights